Quais são os benefícios da leitura ?

Então gente, mas um dúvida da semana. Pesquisei um pouco e achei a resposta: segundo o Ministério da educação (MEC), os benefícios da leitura são:

  • Desenvolver o repertório;
  • Ligar o senso crítico na tomada;
  • Ampliar o nosso conhecimento geral;
  • Aumentar o vocabulário;
  • Estimular a criatividade;
  • Emocionar e causar impactos;
  • Mudar sua vida;
  • Facilitar a escrita.

Responda para vermos que tipo de música você gosta, e dependendo de quantas pessoas responderem, irei publicar o tipo de música mais escutado das minhas leitoras, e junto uma música do gênero…

O golpe – capítulo III

 seguiam para a cidade de nome San José, mas muito cansados da caminhada, Thomas teve a ideia de pararem e descansarem para que no dia seguinte eles estivessem com energia para terminar o trajeto, ela concorda, mas acha melhor irem para mata a dentro, para ficarem seguros. Na cidade vizinha os capangas ligam para 008 e falam que já rodaram as ruas da cidade todinha e que não acharam eles, então ela pergunta se foram até os hotéis e verificaram os check-ins, eles respondem que não, mas que vão providenciar isto naquele instante.  

No dia seguinte, um e-mail chega ao sequestrador, avisando ‘’escutei uma conversa da esposa de Thomas e acho que o dinheiro vai demorar mais uns dias, pois o valor do resgate que foi pedido é muito alto e que não sairia rápido’’. 

   Na casa de Micheli o telefone toca acordando-a, ela atende e do outro lado da linha ouve, “esqueça os 3 dias, mas só vou devolver seu marido, quando estiver com o dinheiro” e a ligação cai. Micheli pasma senta espera um pouco e liga para Tom marcando um encontro. 

    Na floresta Thomas e Thaís continuam fugindo, chegam até a cidade San José. Os dois se dirigem até um mercado, compram tudo que precisam e vão embora.

Na outra cidade 008 respira vira para o carro raciocina e fala aos capangas: 

      – Eles foram mais espertos do que eu, provavelmente foram para San José pela mata e já devem ter chegado lá. Depois ela corre até o carro entra e sai a mil dali em direção a San José.

 

Em San José, Thomas sugere para Thaís que é melhor comprar um carro e ir até sua casa em segurança, mas será sorte se ela não nos achar antes de fazermos isso, Thaís fala que é melhor irem então. Eles compram um jaguar e vão a caminho da casa de Thomas, mas mal sabia que o sequestrador tinha voltado. 

008 recebe a ligação do sequestrador, ele avisa que está no cativeiro de Thomas, então ela explica o que aconteceu, o homem fala para ela voltar. A caminho do cativeiro, 008 liga para os capangas e manda eles irem até San José.  

    No escritório, Tom fala que tinha conseguido rastrear um celular, que estava em ativa. Micheli falou sobre o telefonema, Tom falou que ia ver as rotas do celular, analisar o telefonema. Mas que precisava de mais um favor de Micheli, era o seguinte: por escutas pela casa inclusive nos telefones, para que ele conseguisse provas e pistas. Micheli concorda e avisa para ele que não podia movimentar a conta, nem sabia por escutas. Tom fala que já tinha imaginado, e que já tinha comprado as escutas. 

      Thomas já estava a caminho de sua casa, mas a gasolina já estava acabando, obrigando ele a parar em um posto de gasolina. Thaís resolveu ir até a loja de conveniências para comprar uns salgadinhos, enquanto isso Thomas ia abastecendo o carro. Um carro preto estacionou do seu lado, desceu um homem e foi até a direção da conveniência pegou Thaís, quando Thomas percebeu, sacou uma arma do porta luvas e foi para cima do homem, mas antes que ele pensasse em atirar, o homem lhe deu um soco no estômago. Thomas atordoado apertou o gatilho, mas o tiro pegou no carro, de lá desceu outro homem pôs um pano com uma substância em seu nariz, e assim que Thomas desmaiou ele o jogou dentro do porta mala. Passado um tempo na estrada eles pararam o carro e jogaram Thomas no meio do mato e partiram.

 Ao chegarem no cativeiro, a 008 perguntou como tinha sido lá, então os capangas falaram que havia um homem junto, mas que tinham dado uma boa lição no fugitivo e jogado ele no meio do mato, 008 quase matou eles e explicou de forma irônica que o cara que eles deram droga e jogaram na mata, que ela queria. 

      Thomas acordou no meio da estrada, quando passou um carro ele perguntou para onde era um posto de nome Orlando, o motorista disse que estava a 1 quilômetro no sentido sul, Thomas agradeceu e começou a ir na direção do posto, após meia hora ele chegou, entrou na conveniência comprou uma água, explicou para a balconista a situação e pediu para ver as imagens, ela as mostrou e também falou que eles deveriam ter colocado uma placa falsa, Thomas agradeceu a balconista, pegou o carro e continuou seu caminho, enquanto ia dirigindo prestava atenção para ver se achava uma lan house, após ter dirigido 10 minutos achou uma lan house, eis que vem o porquê da procura de um computador, Thomas não sabia atirar então colocou um transmissor de GPS, pois se acertasse iria saber aonde estaria a pessoa, ele abre o computador, encontra a rota, baixa , passa para o celular apaga do computador, paga pelo tempo de uso e vai embora. 

     Na casa de Micheli, Tom coloca as escutas em telefones e em cômodos, testa e vai embora para seu escritório. Organiza tudo e inicia as gravações, começa a ver as rotas e escutar as ligações, após ter conseguido invadir o celular tendo acesso aos telefonemas, arquivos, e-mail, sms e outras coisas, Tom começa a escutar as ligações desde o dia do sequestro, depois de duas horas escutando e gravando, descobre onde é o cativeiro. Então pediu como sempre a sua secretária para que ligasse para Micheli e marcasse uma reunião entre os dois, após um tempo ela chega e Tom fala que tem ótimas notícias, fala onde Thomas está, e que tem uma jovem lhe ajudando. 

       Thomas chegou até o calabouço e … 

Como ter livros sem dinheiro?

                                 Não tenho dinheiro para comprar livros. O que eu faço ?

     Essa dúvida é muito frequente entre os brasileiros, mas eu trouxe a solução, depois de muita pesquisa, eu descobri que 85% dos município possuem bibliotecas públicas e em muitas vezes bem equipadas. Assim, você pode ir até a biblioteca de sua cidade e pegar um livro, para poder ler.
 Agora, se você gostou deste tipo de matéria, curti bastante e compartilhe para ajudar o blog.

 

Responda a nossa enquete :

O golpe – capítulo II

         Capitulo II …

Micheli, nem acredita quando vê o resultado, é o nome de Elisa que está no papel, ela diz para o detetive que era impossível ter sido ela um dos sequestradores. Tom comenta se elas nunca tiveram um desentendimento e Michele responde que não. Tudo fica silencioso, então Tom diz que é melhor esperar para entrega o dinheiro, pois ele iria pensar e juntar as pistas e fatos. Micheli dá a ideia para ele ir até a delegacia e ver o que consegue.  

Nisso Thomas fugia pela floresta e claro a 008 na sua cola, depois de muito tempo correndo, ele encontra uma cabana abandonada e resolve se esconder por ali. Não muito distante dali 008 vinha em sua procura, mas ela sabia uma coisa que Thomas havia de descobrir logo, após uns 5 minutos Thomas escuta uns passos perto dali, e se vira para procurar algo para se defender e vê uma espingarda com 10 tiros, quando Thomas resolve olhar pela janela ele vê a 008 sem pensar muito ele resolve fugir pela porta dos fundos, sai correndo pela floresta, mas por sua falta de sorte a mulher que o persegue vê e vai à sua procura. Depois de correr por um bom tempo ele tromba com uma moça jovem, mas como está sendo perseguido, ele pega a jovem pelo braço e manda ela correr, a jovem pergunta a ele porque eles estão correndo, ele conta que uma pessoa vai matá-lo se o pegar, a jovem tem a ideia de ajuda-lo e diz para ele a seguir, depois de muito correr a jovem e Thomas chegam a um chalé subterrâneo. 

Lá Thomas pergunta seu nome e ela responde Thaís ele se apresenta a ela, Thaís pergunta se Thomas quer chá, ele responde que sim e ela começa a preparar.

Thaís diz que precisam tomar o chá logo, recolher alguns pertences e sair o quanto antes pois logo chegaram até eles. 

Tom já estava a caminho da delegacia, ao chegar lá, ele procurou a policial Maya, que deu nova informações que ele anotou e ao sair da delegacia Tom ligou para Micheli pedindo a ela que fosse a seu escritório, eles marcam dali 20 minutos. E quando Tom chegou Micheli já estava lá. Tom fala que acharam pistas chave do sequestro, e me falaram que a van do sequestro tinha GPS e que eles conseguiram as últimas rotas que eles fizeram utilizando o aparelho. Micheli fica animada, mas que pelo jeito não forneceram as informações para ele, Tom fala que eles estavam de bom humor e lhe forneceram as rotas e que ele iria analisar as rotas, fazer suposições e torcer para que eles tenham passado por algum comércio com câmera. Micheli comenta que eles tinham muito trabalho pela frente, Tom fala que precisa da ajuda dela e começa a explicar que era para ela ligar para Elisa marcar algo e durante a conversa ela teria de introduzir o assunto do sequestro, porém ela estaria com um gravador, pois se Elisa falasse algo comprometedor eles teriam provas contra ela, Micheli concorda. 

     Thomas e Thaís fogem na floresta, com alguns mantimentos e armas, Thomas curioso pergunta para onde eles estavam indo, Thaís comenta que ele era muito curioso e que veria quando chegassem. Depois de muito tempo revezando a corrida e caminhada chegam a uma estrada, Thomas fala que agora é só pegarem uma carona até a cidade e ligar para a esposa ir busca-lo, Thaís comenta até parece que aquela mulher não vai pensar que seguimos a pista ou pegamos uma carona até a cidade, vamos atravessar a pista e entrar na floresta novamente e seguimos até a cidade pelo caminho que conheço, lá você chama sua esposa, polícia ou alguém para te buscar, mas até alguém vir te buscar, ficarei com você. Agora chega de papo e vamos, pois, ela não deve estar muito longe daqui. Não muito tempo depois a 008 chega até a beira da pista, pega seu celular e liga para o sequestrador e lhe avisa que Thomas fugiu e que pelo caminho achou uma jovem que lhe ajudou, mas que ela estava à beira da pista e que provavelmente eles teriam seguido para a cidade e que ela pegaria um carro e iria para lá. Ao desligar o celular um carro passa, ela atira no vidro e o motorista para, então, a 008 manda ele sair entra no carro e segue pela estrada rápido. A poucos metros dali o carro passa por Thaís e Tomas que estavam dentro da mata, Thaís fala para Thomas que era melhor não irem para a cidade mais próxima, pois seria mais provável que ela iria para lá, então iriam para a cidade um pouco mais longe, Thomas concorda, então eles mudam o caminho e vão para outra cidade. 

       Tom já tinha uma ideia de para onde aquelas rotas iriam leva-los, então ligou para Micheli pedindo que fosse novamente até seu escritório. Após uns minutos Micheli chega ao escritório de Tom e pergunta para que ele chamou ela, Tom fala que ele conseguiu verificar as rotas e que agora ela deveria entrar em ação, ele pediu a ela que ligasse para Elisa. Micheli o atende imediatamente e marca um jantar entre as duas. Enquanto se arruma par o jantar Micheli coloca um gravador em sua roupa. 

     Enquanto isso a misteriosa 008 resolve ligar para seu comparsa, durante a ligação ela fala que houve um imprevisto e que teria de largar a busca, mas que mandaria os capangas irem em busca da jovem e de Thomas. O sequestrador muito bravo fala que estava quase resolvendo o problema e que voltaria em breve e que se Thomas não estivesse aonde ele havia deixado ela pagaria muito caro. Nervosa ela desliga o telefone e da meia volta. 

Na casa de Micheli a campainha toca, quebrando o silêncio, era Elisa, o sangue de Micheli ferveu, a vontade de falar algumas verdades veio até o meio da garganta, mas ela se conteve, acalmou-se e deu um sorriso para Elisa, convidou-a para entrar. Durante o jantar, Micheli fez o que prometeu para o detetive, conversou e depois de um tempo introduziu o assunto do sequestro, falou que exigiram 3 milhões de reais para o resgate. Rapidamente Eliza pergunta por que ainda não tinham pago o resgate, Micheli se conteve para não dar umas belas bofetadas na mulher a sua frente, mas respirou e respondeu, mesmo eu e meu marido sendo o 3° casal mais rico o dinheiro demora um pouco para sair, mas que estava com medo que o prazo expirasse sem que houvesse tempo para a liberação do dinheiro, depois de pouco tempo, Elisa falou que tinha que ir embora, Micheli levantou-se acompanhou-a até a porta. Após Elisa sair, Micheli correu até o telefone ligou para Tom e contou o que houve durante o jantar. Tom falou que havia descoberto um telefone próximo de onde iria dar a rota utilizada pelos sequestradores, era um comércio simples de beira de estrada, o dono comentou sobre ter visto uma van com pessoas de fora da cidade, mas ao ser questionado sobre uma mulher, disse que na van não havia nenhuma.

Enquanto isso Thaís e Thomas fogem desesperados pela floresta…

 

Próximo capitulo 15/11/2016

 

%d blogueiros gostam disto: